Estudo e suporte ao Movimento IPTU JUSTO que visa acabar com
os aumentos acima da inflação, praticados pela prefeitura de São
Paulo, o que vem impactando a vida do morador do bairro, que
perdeu a capacidade contributiva e que não consegue pagar e é
incluído na dívida ativa da cidade (CADIN), bem como a do
comerciante do bairro que se vê obrigado a encerrar suas
atividades. Várias lojas têm encerrado seus negócios atingidos pela
crise financeira do país e pelos aumentos de impostos, entre eles o
IPTU que aumenta 15% anualmente para este segmento.

Deixe um comentário